No que diz respeito a Direito Penal (Criminal), o nosso escritório de advogados assegura diversas fases do processo, nomeadamente inquérito, instrução, julgamento e recurso, mesmo de casos que não tenham sido acompanhados desde início pelos nossos profissionais.

A este nível, efectuamos a defesa de arguidos ou de ofendidos, pessoas singulares ou coletivas, no quadro de crimes como: violência doméstica, homicídio, ofensas corporais, maus-tratos, roubo, sequestro, burla, corrupção, peculato, difamação, injurias, tráfico de influências ou de estupefacientes, extradição de cidadãos nacionais ou estrangeiros, processos nas Finanças ou na Segurança Social, entre outros.

De referir que o Direito Penal muitas vezes se cruza com o Direito Contra-ordenacional, em situações em que os condutores tenham violado gravemente o código da estrada (atropelamentos mortais, condução por excesso de álcool ou de velocidade…) e dessa infracção decorram danos para terceiros, quer físicos quer materiais.

Para agendar uma consulta jurídica com um advogado com experiência na área de Direito Criminal, poderá fazê-lo ligando para o nosso escritório e/ou preenchendo o formulário disponível para o efeito.

Por norma, os clientes são contactados no próprio dia, ou, excepcionalmente, no decurso do dia seguinte. Damos garantia de confidencialidade absoluta e de rigor máximo no tratamento de toda a informação facultada.

Direito Penal: Advogados para processos penais (criminais)

 

Advogados para queixas-crime, prisão preventiva e habeas corpus

A nossa equipa de advogados intervém em representação do cliente em várias situações de âmbito do Direito Criminal (Penal), nomeadamente:

  • Interposição de habeas corpus.
  • Queixas-crime e elaboração dos respectivos requerimentos.
  • Recursos perante o Supremo Tribunal de Justiça e Tribunal Constitucional.
  • Diligências tendentes à alteração da medida de coacção de prisão preventiva aplicadas a arguidos sujeitos a medidas privativas de liberdade.
  • Presença do advogado na fase de inquérito e acompanhamento nas diversas diligências inerentes, perante os magistrados judiciais, magistrados do Ministério Público e/ou órgãos de polícia criminal.

Advogados para Direito Criminal, Penal, queixas-crime, prisão preventiva, maus-tratos, violência doméstica homicídios, sequestro, burlas, difamação, burlas, roubos, extradições, tráfico de influências e de estupefacientes Lisboa | Cascais | Oeiras | Sintra